ANTES DO SIM

CBG5276

Cabeleireira Ana Mota inaugura novo espaço para noivas em seu salão de beleza, com projeto assinado pela arquiteta Nathália Montans

Por Felipe Brandão

Fotos Fábio Pitrez

 

O tempo passa, as coisas mudam, mas não há dúvida: o casamento perfeito ainda ocupa o imaginário e os sonhos de boa parte das mulheres modernas. Foi apostando nesse misto de classicismo e contemporaneidade que a arquiteta Nathália Montans desenvolveu, junto à equipe de seu escritório, a nova sala de noivas do Salão de Cabeleireiros Ana Mota.

Segundo Nathália, o projeto surgiu do aumento considerável da demanda de noivas à procura do salão para se produzir para o “grande dia”. A proprietária, Ana Mota, precisava de um espaço maior para dar conta desse público e recorreu a Nathália – sua amiga pessoal e cliente do salão há anos – para desenvolver o projeto da nova sala. “Este espaço, no andar superior do edifício, abrigava antigamente a barbearia do salão, que foi transferida para o piso inferior”, explica a arquiteta.

Papel de parede, tapete, móveis e objetos de decoração: Casa Nova Interiores

Para desenvolver o projeto, Nathália contou com o suporte da equipe de seu escritório – em especial da arquiteta Ingrid Prado, uma de suas principais colaboradoras – e também dos cabeleireiros, maquiadores e demais funcionários do salão, a quem fez questão de ouvir para se familiarizar com a dia a dia do salão e as necessidades da clientela local. “Sempre costumo dizer que nosso estilo é desenhar o projeto com a cara do cliente. Ele tem liberdade para participar ativamente de todas as etapas, desde o brieffing até a escolha da decoração. O objetivo é desenhar todos os projetos sempre com a identidade do cliente – mas com o toque Nathália Montans”, afirma.

“Ao desenvolver este projeto para a Ana Mota, procurei entender o que quer a noiva de hoje – recordando para isso, inclusive, a minha própria experiência como noiva, quando eu me casei. O que eu queria naquele momento, quando estava me preparando para o meu casamento? Queria que mais pessoas queridas estivessem ali, um ângulo legal para tirar uma foto com minhas amigas, que estavam compartilhando comigo aquelas últimas horas de solteira…”, relembra. “Acredito que é bem isso o que a noiva deseja: um espaço pra estar com as madrinhas, com a família, uma banheira para relaxar e tomar um champanhe enquanto se prepara para o grande momento… Procuramos juntar todos esses anseios típicos do momento e satisfazê-los na concepção do projeto.”

A primeira direção da proprietária do salão para Nathália foi a de produzir um espaço diferente das demais salas de noiva que existem na cidade de Londrina, numa proposta ao mesmo tempo clássica e contemporânea. Essa ideia se reflete ao redor de toda a disposição e na decoração do espaço de aproximadamente 40m². “Ao mesmo tempo que temos um lustre de cristal e uma banheira vitoriana extremamente elegantes, usamos elementos mais contemporâneos como os cobogós, que  delimitam o espaço onde a noiva toma banho, se troca… Também dispusemos sofás em veludo e poltronas em seda, pensando no conforto das pessoas que estarão acompanhando a produção… O legal é que isso complementa o grande dia da noiva, porque ela e as amigas e madrinhas podem se arrumar todas juntas – com toda a estrutura do salão por trás disso”, descreve Nathália. “A Ana teve realmente essa preocupação em utilizar produtos de qualidade, à altura das noivas que ela atende, para proporcionar-lhes, além do diferencial do atendimento, o requinte que elas merecem nesse dia.”

Móveis e objetos de decoração: Casa Nova Interiores

Nathália, que já atua há mais de 10 anos como arquiteta em Londrina, faz questão de frisar o apoio e a participação de toda a equipe de arquitetos que colabora com ela em seu escritório. “Esse trabalho conjunto tem sido o diferencial dos nossos projetos nos últimos anos, porque significa para o cliente um suporte extra, quase em tempo integral. A existência de uma equipe competente e especializada tem proporcionado uma excelente sinergia que faz toda a diferença no resultado final”, completa.