D.ON – MADE IN BRAZIL

made in brasil 1

Por: Luiz Gustavo Forte
Triste, frustrante e comum. Esses são os adjetivos corretos para definirmos o fato de muitos artistas de nossa música serem reconhecidos mais em outros países do que em terras tupiniquins, principalmente no âmbito comercial e popular.
Mundialmente idolatrados artisticamente pela qualidade de nossa música, grande parte de nossos artistas precisam procurar outros países para terem seu trabalho exposto, sendo que alguns chegam a se radicar temporária ou definitivamente. Para os que ficam em nosso país, a saída é preencher a agenda com shows no exterior. Porém, torna-se inaceitável explicar o motivo desses gênios de nossa música não alcançarem seu espaço por aqui, com eventuais exceções no eixo Rio-São Paulo, onde ocasionalmente ocorrem apresentações.
Exemplos não faltam: João Donato, Sergio Mendes, Eumir Deodato, Cesar Camargo Mariano, Dori Caymmi, Eliane Elias, Tania Maria, Marcos Valle, Joyce, Toninho Horta, entre outros; sejam residindo fora ou no Brasil, sempre lotam as mais importantes casas de shows nos Estados Unidos, Europa e Japão, além de constantemente participarem dos mais conceituados festivais do segmento.  Vale ressaltar que todos esses possuem um público muito restrito no Brasil e dificilmente são convidados para se apresentar em casas de show com característica mais comercial e popular, sendo direcionados para espaço menores e com preços mais baratos. Muitos poderiam caminhar  tranquilamente pelas ruas e assim mesmo passariam despercebidos pelo público, apesar de fazerem parte da elite de nossa música.
Explicar esse fato não é difícil, basta verificarmos o lixo musical que toma conta de nossas rádios e mídias nos últimos trinta anos, não sobrando espaço, com honrosas exceções, para divulgação do que temos de qualidade. Devido à baixa audiência e ao fraco retorno comercial, são poucas as rádios e espaços que possuem em sua grade de programação programas destinados para divulgar esse tipo de produto. Rádio Eldorado de São Paulo e Canal Brasil se destacam nesse aspecto.
Todos os mencionados acima, além de outros, serão temas desse espaço em breve. Obvio que não será a redenção de nenhum eles, mas ao menos mostrará que há muita gente interessada em conhecer esses talentos e suas biografias. Afinal, mesmo com muito sucesso no Brasil, até Tom Jobim chegou a ser questionado por aqui durante um período de sua carreira e precisou se mudar para a terra do Tio Sam para que sua música fosse divulgada mundialmente e ter seu talento com o merecido reconhecimento.

Claro que selecionamos alguns vídeos para você poder curtir um pouquinho.

Dori Caymmi

Toninho Horta

Tania Maria

João Donato